Coisas da Interwebs

Cinema: A Teoria de Tudo

(por Raquel Aguiar e Diana Ramos)

“There is no boundary to human endeavor. Where there is life, there is hope.”

Esta frase de Stephen Hawking resume na perfeição o sentido do filme. Sendo esta uma obra que fala da sua vida e progressão da sua doença ao longo de 25 anos de relação entre o cientista famoso e Jane Hawking, esta é apresentada como sólido e comovente.

Baseado nas memórias de Jane Hawking, o guião adaptado é uma homenagem perfeita aos personagens, ainda vivos, e uma adaptação que, apesar de não ser romantizada e irrealista, é sobretudo, um celebrar da vida de Stephen Hawking.

A história enfrenta alguns desafios com sucesso, tais como fazer justiça às realizações científicas de Hawking, sem torná-las entediantes, o equilíbrio entre o drama e a comédia, a dificuldade de comunicação do físico teórico e também do grande fardo que Jane carregou. Felizmente, também não tornou a dissolução do casamento deles numa situação triste, levando sempre como algo aceitável.
Read More

Páginas:1234567...281